Agentes Comunitários de Saúde de Grama participaram de um treinamento para coleta de larvas do mosquito Aedes Aegypti

Versão para impressãoEnviar por emailVersão PDF

   Agentes Comunitários de Saúde de São Sebastião da Grama na manhã do dia 24 de julho (quinta-feira) participaram de um treinamento voltado para coleta de amostras de larvas do mosquito aedes aegypti. Lembrando que o Aedes aegypti é o mosquito transmissor da dengue e da febre amarela urbana
   O treinamento foi realizado a campo através do Centro de Controle de Zoonoses com o apoio da SUCEN (Superintendência de Controle de Endemias), de São João da Boa vista.


   A coleta das larvas é realizada nas visitas casa a casa e ADL (Avaliação da Densidade Larvária) Com esse trabalho, é possível saber os níveis de infestação de larvas do mosquito Aedes aegypti de uma determinada área geográfica no momento em que a pesquisa é feita, assim como o tipo de recipiente predominante em cada região.


   Por meio dos dados obtidos nessa avaliação, é possível redirecionar e/ou intensificar algumas medidas ou alterar as estratégias de controle das larvas do mosquito Aedes aegypti adotadas pelo município.
    No Estado de São Paulo esta atividade serve para avaliar o Índice de Breteau, por exemplo; que verificam a cada cem imóveis, quantos apresentam recipientes com larvas. Em São Sebastião da Grama  esta avaliação é realizada quatro vezes durante o ano.

Prefeito Ricardo Florido e vice-prefeito João Andrade